Terras Metálicas | Renato C. Nonato

Houve uma grande guerra no planeta terra e todo o solo está inabitável, e isso faz com que o restante da raça humana tenha que viver próximo ao núcleo da terra, ou melhor, em uma espécie de atmosfera artificial que eles chamam de Esfera.
Temos como protagonista a garota recém formada do primeiro nível da Academia, Raquel! O mais legal de ser formado na academia, é que você recebe um chip durante a cerimônia, e é justamente esse chip quem da um toque mágico e interessante na história. Quando o chip é “instalado” em sua nuca, ele te dá uma espécie de habilidade, se posso dizer assim. 

São cinco tipos de habilidades: Túneis, Bios, Sibérios, Antenas e Exilados. Cada uma delas é única e muito interessante.
Basicamente a trama envolve (além da vida e habilidades de Raquel) o que está acontecendo com a Esfera. Superaquecimento, terremotos, além de que, o próprio planeta parece estar pedindo para que tudo pare. Raquel, que está sempre envolvida em alguma encrenca, descobre que a Esfera está para ser desativada. Ela, junto com seus amigos Ângelo, Tales, Camila e Isabela irão “investigar” o porquê do desligamento da Esfera e o que acontecerá com o resto das pessoas.

O livro está na categoria infanto-juvenil e os personagens têm por volta de treze anos, mas acredito que a escrita e toda trama descrita pelo autor tornaram o livro um pouco mais para o lado adulto do que para o lado mais infantil. Eu, particularmente achei o inicio da história muito calmo e sereno, mas com o passar de cada capítulo, a aflição chega junto com muitas aventuras, que fazem com que você se sinta bem à vontade dentro do livro.


Publicado em 2012 pela editora Novo Século, confesso que estava procurando faz tempo um livro de ficção tão bom publicado por um autor nacional, como o livro do Renato Nonato, autor de Terras Metálicas. O Renato é engenheiro químico e escritor, o que me faz ser ainda mais fã dele! 


Alison Iared

20 anos, apaixonado por teatro desde pequeno. Cursa o segundo ano de Engenharia de Produção. Gosta muito de filmes e séries sobre heróis, ficção, aventura, desenho e comédia. Eclético para livro e música. Gosta de desafios e é muito teimoso. Tem a paciência do tamanho de uma noz para coisas que não são do seu interesse. Sempre quis ser o Power Ranger vermelho.

    Comentários do Blogger
    Comentários do Facebook

13 comentários:

  1. Não curti muito... Prefiro livros um pouco mais realistas, mesmo que sejam distopias.

    ResponderExcluir
  2. Eu gosto muito de ler esses novos talentos nacionais. Pela resenha, a história de "Terras Metálicas" parece ser muito interessante, então vou colocar na minha lista de leitura. :D ~Hug~

    ResponderExcluir
  3. Eu gosto muito de ler esses novos talentos nacionais. Pela resenha, a história de "Terras Metálicas" parece ser muito interessante, então vou colocar na minha lista de leitura. :D ~Hug~

    ResponderExcluir
  4. O livro parece ser ótimo, acho que minha lista tem um numero á mais hahahaha Acho que vai valer a pena eu ler esse livro.

    ResponderExcluir
  5. Eu adoro esses livros que englobam habilidades,magias,poderes e coisas do gênero, acho muito legal mesmo. Vou conferir "Terras metálicas". E ainda valorizar os autores nacionais, claro!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  6. Uoooouul . muito interessante ! Não leio muitos nacionais < mais este merece uma chance , com toda certeza *_*

    ResponderExcluir
  7. Não é o tipo de livro que me interessa, mas essa é uma história bem interessante, e fiquei um pouco surpresa quando você diz no final que é de um autor brasileiro.. Vou procurar esse livro pra ler.

    ResponderExcluir
  8. Não me idetifiquei muito .. prefiro livros de romance baseados em fatos reais.

    ResponderExcluir
  9. Não sou muito acostumada a ler livros de autores nacionais, fiquei fascinada pela história. Mais um livro pra minha lista

    ResponderExcluir
  10. Bem inovador. Embora os livros nacionais estão crescendo e se tornando uma bola de neve gigante.... MDS tantos livros :O

    ResponderExcluir
  11. Um livro nacional que me deu vontade imensa de ler.

    ResponderExcluir
  12. Confesso q fiquei meio desapontada em saber q os protagonistas tem 13 anos...achei mta pouca idade...uahsuahsuas
    Mas de uma maneira geral eu gostei.
    Parabéns ao nosso autor nacional!! hehee

    ResponderExcluir
  13. Nossa, achei interessante a história, quem sabe um dia eu dê uma chance né :)

    ResponderExcluir